Publicado em

Pele ressecada no inverno? Descubra como manter a hidratação da pele nos dias mais frios

5 dicas de como não deixar a pele seca nos dias mais frios

Nos dias mais frios, o corpo funciona de forma diferente para compensar as temperaturas mais baixas. Além da força para manter a circulação funcionando bem e o coração no mesmo ritmo, no inverno perdemos mais água durante todo o dia, o que causa o ressecamento da pele. Para evitar alguns dos efeitos do frio no seu corpo, confira abaixo cinco dicas para não deixar a pele seca durante a estação:

  • Beba bastante água para hidratar o corpo

A perda de água durante os dias mais frios afeta todo o corpo, por isso é essencial que você se hidrate com bastante frequência. Tome, em média, dois litros de água por dia e busque comer muitas frutas e tomar sucos. As temperaturas mais baixas tendem a reduzir nossa vontade de tomar água, o que não pode atrapalhar o hábito de se hidratar constantemente. Mantenha uma garrafinha cheia sempre perto de você, em casa e no trabalho, e faça disso uma rotina, para evitar que o corpo fique desidratado e a pele seca.

  • Use batons especiais para proteger os lábios

O frio faz nossa boca ficar com pequenas rachaduras que podem acabar se tornando pequenos machucados. Para manter a pele dos lábios saudável e evitar que isso aconteça, use batons especiais e hidratantes labiais, de preferência aqueles que contenham vitamina E. Outra dica importante é sempre escolher batons com fator de proteção solar, assim, além do frio, sua boca fica protegida dos raios do sol.

Veja mais em 6 dicas naturais para cuidar da pele no inverno

  • Abuse do hidratante e do protetor solar

Mesmo que o clima esteja frio, o sol continua emitindo raios prejudiciais para nossa pele. Por isso, é fundamental continuar usando protetor solar mesmo no inverno, principalmente no rosto. Lembre-se de aplicá-lo a cada três horas ou depois do banho. Outro produto indispensável nesta época do ano é o creme hidratante. As baixas temperaturas reduzem muito a elasticidade da nossa pele e a deixam mais suscetíveis a marcas de expressão. Para evitar que o problema se estenda, hidrate sempre sua pele com produtos de qualidade. Essa dica vai te ajudar também a evitar as alergias que aparecem em função dos tipos de roupas que costumamos usar nessa época, feitas de materiais como couro e tecidos sintéticos.

  • Evite banhos muito quentes e demorados

A água muito quente intensifica os efeitos do frio para nosso corpo, piorando os efeitos da pele seca. Tente deixar seu banho mais morno e reduza o tempo gasto nele. Durante o banho quente, nosso corpo perde ainda mais hidratação e aumenta o risco de rachaduras e ressecamento. Não só a pele, mas o cabelo também sofre diretamente com os banhos demorados e em altas temperaturas. Lembre-se de usar um sabonete adequado para seu tipo de pele. Um dermatologista pode te ajudar a encontrar a opção mais indicada para você!

  • Mantenha hábitos saudáveis todos os dias

O frio pode tentar te convencer do contrário, mas fazer exercícios físicos é algo que vai aumentar seu bem-estar durante os dias mais frios. Manter o corpo ativo é um dos fatores principais para evitar os problemas típicos do inverno, entre eles a pele seca. A prática de atividades físicas ajuda a renovar a pele e, junto a uma alimentação equilibrada, contribui para um corpo em forma e bem cuidado em todos os aspectos. Não deixe de ingerir alimentos ricos em vitaminas e em água, como tomate, maçã e melancia, por exemplo. Para complementar sua rotina saudável, uma dica é acrescentar colágeno ao seu hábito alimentar, que ajuda a manter a pele firme e hidratada.

Leia mais: 4 hábitos saudáveis para evitar o envelhecimento da pele

Gostou das dicas? Conte para nós nos comentário abaixo.

Publicado em

Processo de cicatrização: como torná-lo mais rápido e efetivo

Com o tempo, nossa pele tende a ganhar várias marquinhas em todo o corpo. Reflexo das nossas travessuras infantis, das acnes da adolescência ou mesmo de processos cirúrgicos podem acabar levando a cicatrizes, que precisam ser tratadas com cuidado para não deixar marcas indesejadas. Então, como funciona o processo de cicatrização?

O processo de cicatrização da nossa pele é algo natural: nosso corpo tende a reparar sozinho a parte do tecido que foi lesada, regenerando as células afetadas. Esse efeito, porém, pode não gerar um resultado esteticamente satisfatório, por isso é importante tomar algumas medidas que podem acelerar o processo e torná-lo mais efetivo.

Etapas da cicatrização

Para que as células sejam regeneradas após um corte ou lesão, nosso corpo atua em etapas no processo de cicatrização. Tudo vai depender da profundidade e da seriedade do ferimento causado na pele. Se superficial e sem infecções, como em cortes cirúrgicos mais simples, as etapas ficam um pouco mais rápidas e o resultado tende a ser melhor.

Nas primeiras horas após a lesão, nosso corpo cria agentes inflamatórios para recompor o tecido agredido e começar a substituir a parte da pele necessária. Nos dias que seguem, são recompostos os vasos sanguíneos que foram perdidos, por meio da produção de colágeno pelo próprio corpo. Em seguida, o colágeno é então reajustado e redistribuído, reduzindo a vermelhidão da cicatriz e deixando-a menos aparente.

Alguns fatores, como o grau de contaminação e a genética da pessoa afetada, podem tornar o processo de cicatrização mais rápido ou mais lento, variando de dias a anos de recuperação. Para aumentar as chances de que os efeitos finais sejam bons, separamos três dicas que podem te ajudar a reduzir as marcas de cicatrizes após procedimento cirúrgicos ou lesões na pele:

1 – Alimente-se bem

blog-novun-4-habitos-saudades-para-evitar-o-envelhecimento-da-pele-alimentacao

Ingerir alimentos saudáveis pode ajudar no processo de cicatrização, pois favorecem a recuperação e a saúde de todo o corpo. A vitamina C, por exemplo, é um grande aliado da produção de colágeno e pode facilitar o tratamento da pele. Alimentos como as frutas cítricas são ricas nesse nutriente e podem ser facilmente incluídas na dieta após uma cirurgia. Além dele, não deixe de ingerir proteínas, ferro e minerais, que também ajudam a facilitar a recuperação da pele.

2 – Hidrate a pele

9-super-dicas-para-fazer-sua-pele-ficar-mais-firme-hidracao

Mantenha a pele sempre hidratada, com cremes especializados ou óleos indicados por seu médico. A hidratação ajuda a evitar a coceira, que pode atrapalhar o processo de cicatrização e causar danos maiores à área afetada. Ao aplicar o hidratante, aproveite para massagear a região, de acordo com as orientações médicas, após algumas semanas da lesão. Durante esse tempo, também é importante evitar expor a área à radiação solar.

3 – Inclua colágeno hidrolisado em sua dieta

blog-novun-aprenda-como-potencializar-efeitos-colageno

Para ajudar o corpo na recomposição e produção de colágeno, uma dica é ingerir cápsulas de colágeno hidrolisado. O produto age estimulando a regeneração das fibras da pele, facilitando a etapa de remodelagem do processo de cicatrização e aumentando a resistência da área afetada, que tende a ficar mais sensível mesmo depois que a cicatriz já está formada.

Leia mais: Colágeno na recuperação de cicatrizes e cirurgias plásticas

O que achou das dicas para agilizar e facilitar o processo de cicatrização? Compartilhe conosco nos comentários abaixo.

Publicado em

3 motivos para usar protetor solar todos os dias

3 motivos para usar protetor solar todos os dias - Novun Colagenus

Assim como escovar os dentes e usar sabonete ao tomar banho, passar o protetor solar deve ser um hábito em nossas vidas. E não é só no verão que essa dica é válida. Para o corpo e para o rosto, em dias de sol e em dias de chuva, se proteger dos perigos do sol pode fazer uma grande diferença para sua beleza e para sua saúde, hoje e no futuro.

Para ajudar a te convencer de fazer do protetor solar um amigo de todos os dias, separamos abaixo 3 motivos que vão te mostrar porque é importante aplicá-lo com frequência diária:

1 – Previne o envelhecimento precoce

pes-de-galinha-blog-novun-tratamento

Os raios de sol chegam até nós independente da estação e do clima. Quando o dia está claro e é verão, o fator solar deve ser ainda mais forte. Mas, mesmo em dias nublados, é importante aplicar o protetor solar logo pela manhã e reforçar durante o dia. Um dos principais motivos para isso é manter a saúde da nossa pele e evitar que ela ganhe rugas e marcas de expressão antes da hora.

O sol é um dos principais vilões do envelhecimento, junto da bebida alcoólica, do cigarro e da má alimentação. Para começar os cuidados hoje, comece não se esquecendo de passar o protetor e fuja da incidência solar direta, usando outros artifícios para se proteger durante os dias mais quentes.

Se quiser saber mais sobre o envelhecimento precoce, acesse o post 4 hábitos saudáveis para evitar o envelhecimento da pele.

2 – Evita o aparecimento de pintas

blog-novun-problemas-pele-40-mancha-senil

Não é só na praia que precisamos nos preocupar com os malefícios do sol. Durante o dia, em uma caminhada ou mesmo dentro de casa, os raios solares chegam até nós e podem causar vários prejuízos. Um deles é o aparecimento de pintas e sardas, que surgem em nossa pele com o tempo.

Veja também 6 dicas naturais para cuidar da pele no inverno

A radiação UVA, que causa o efeito bronzeado, pode também gerar pequenas ou grandes marcas indesejadas na superfície da nossa pele, o que pode ter efeitos visíveis com o passar dos anos. Para evitá-los, a forma mais segura e garantida é o uso frequente do protetor solar mais indicado para a sua pele.

3 – Protege contra o câncer de pele

blog-novun-3-motivos-para-usar-protetor-solar-cancer-pele

Claro que cuidar da nossa beleza é algo muito importante, mas, mais do que isso, é preciso se preocupar com a saúde. E, para a pele, não há melhor aliado do que o protetor solar para manter os cuidados e garantir sua proteção. O protetor solar atua em todas as camadas da pele e pode bloquear quase 100% da radiação solar. Dessa forma, ele cria uma barreira contra os raios UVA e UVB, responsáveis por afetar nossas células e causadores de problemas graves, como o câncer.

Para que os efeitos da aplicação sejam completos, porém, é essencial encontrar qual o fator de proteção mais indicado para sua pele e para a situação em questão. Dias em que você vá sofrer uma exposição mais longa ou mais intensa exigem fatores mais altos do que o 30, que é o mínimo indicado pelos dermatologistas.

Seguindo as recomendações médicas, não se esqueça de passar o protetor solar todos os dias, incluindo o hábito nas suas ações diárias em prol da sua saúde e da beleza da sua pele.

Ficou com alguma dúvida sobre o uso do protetor solar diariamente? Deixe seu comentário abaixo.

Publicado em 5 comentários

As vitaminas mais indicadas para os cuidados com a pele

vitamina indicada para pele

Alguns elementos são essenciais para manter nossa pele bonita e saudável por mais tempo. São nutrientes, vitaminas e minerais naturais, que conseguimos incorporar facilmente à nossa alimentação e ajudam na prevenção de acnes e rugas.

O mercado de cosmético tem descoberto a cada dia os benefícios das vitaminas para a beleza da pele e adicionado seu princípio ativo em cremes e produtos para beleza. Essenciais para a prevenção de doenças, elas ajudam também no bom funcionamento do organismo e na recuperação de células de elasticidade, atuando em conjunto com outros hábitos saudáveis.

Conhecer a importância de cada uma das vitaminas é o primeiro passo para aproveitar seus benefícios para a pele. Em seguida, é importante identificar os alimentos que podem ajudar na sua ingestão e contar também com a ajuda de produtos especializados, para suprir alguma falta ou mesmo aumentar os níveis de substâncias benéficas ao corpo. Junto a isso, mantenha a prática constante de exercícios físicos para que os nutrientes sejam bem distribuídos e absorvidos, além de nunca deixar de usar protetor solar para se prevenir dos efeitos do sol.

Conheça abaixo algumas das vitaminas mais indicadas para o cuidado com a pele:

Vitamina C

Muito conhecida como remédio para gripes e resfriados, a Vitamina C tem um importante papel para a saúde da nossa pele. Ela funciona como anti-radical livre e, em contato com a pele, ajuda a retardar os efeitos do tempo e o surgimento de rugas. Atuando diretamente nas células que geram a elasticidade, ela estimula a produção de colágeno pelo corpo e pode até clarear as manchas de sol que nossa pele ganha com a exposição desprotegida.

Quer fazer um detox e eliminar as impurezas que prejudicam sua pele? A Vitamina C é ideal para te ajudar nesse processo! Ela reduz as substâncias tóxicas produzidas pela poluição e ainda fortalece o sistema imunológico de todo o corpo. Para ter esses benefícios, é possível ingerir a vitamina a partir de alimentos como as frutas cítricas, e também utilizar produtos que contêm seu princípio ativo.

Leia mais: 7 alimentos que combatem o envelhecimento da pele

Vitamina E

Essa vitamina também apresenta o poder de eliminar radicais livres da nossa pele e de ajudar na proteção aos efeitos externos que podem causar o envelhecimento precoce. Para amenizar os malefícios do sol e proteger da poluição, a Vitamina E pode ser tanto aplicada a partir de cremes quanto ingerida em cápsulas, a partir da indicação de profissionais especializados. Ela é uma forte aliada para os cuidados de quem tem contato com fumaça, excesso de calor e frio, ou se expõe demais à poluição e ao sol.

Um dos grandes benefícios da Vitamina E é ainda o estímulo à manutenção dos índices de colágeno em nossa pele, que tende a ficar mais estável em sua presença e assim ameniza os efeitos da ação do tempo e o aparecimento de rugas e marcas de expressão. Ao mesmo tempo, a vitamina ajuda na produção de substâncias e ácidos benéficos para a elasticidade da pele.

E não são só as vitaminas que ajudam nos cuidados com a nossa pele. Elementos como o selênio e o zinco, por exemplo, ajudam na prevenção do envelhecimento ao ativar enzimas importantes para a proteção das células. Sua atuação pode reduzir problemas como a oleosidade e as infecções, trabalhando em conjunto com outros elementos por uma aparência melhor e mais saudável, além de facilitar a absorção de substâncias como o colágeno hidrolisado pelo nosso organismo.

Leia mais: Tratamentos anti-idade para a pele: quando começar

Assim como qualquer outra área do corpo, a pele também precisa de nutrição, e ela pode ser alcançada a partir de alguns tipos de vitaminas e minerais, como esses que apresentamos aqui. Eles são fundamentais para a manutenção da saúde e, para completar, ainda ajudam a deixar nossa pele mais jovem e bonita.

Ficou com dúvidas sobre a importância das vitaminas para a saúde da nossa pele? Deixe seu comentário abaixo!

Publicado em

Efeito sanfona: prejuízos quando engordamos e emagrecemos rápido

Efeito sanfona: prejuízos quando engordamos e emagrecemos rápido

O efeito sanfona é um dos grandes pesadelos de quem sofre alterações bruscas no peso do corpo. Quando ganhamos ou perdemos muitos quilos em pouco tempo, são grandes as chances dele acontecer, e acabar deixando vestígios que podem ficar para sempre, inclusive na nossa pele.

Manter o peso ideal é um grande desafio e exige cuidados e disciplina. Alterações hormonais, mudanças de hábitos e até fatores genéticos podem causar uma diferença de peso grande em um curto período, fazendo com que o corpo perca ou ganhe muita massa. Quando isso acontece, é natural que o corpo acabe voltando à situação anterior, engordando ou emagrecendo todos os quilos novamente.

Essa mudança repentina que causa ganhos e perdas repetidas de massa pode acabar gerando um efeito visível para a pele, resultando em flacidez, estria e celulite. No rosto, as consequências do efeito sanfona costumam afetar principalmente as bochechas, a mandíbula e o pescoço, áreas onde há mais chance de ocorrer a flacidez.

Leia mais: Livre-se do pescoço flácido em 5 passos

Prejuízos do efeito sanfona

As alterações da nossa pele da face quando engordamos ou emagrecemos acontecem em função da redução ou do aumento das células de gordura, que interferem em todo o corpo. Imagine quando enchemos um balão de ar: ao inflar, o ar ocupa espaço e deixa a superfície mais esticada; quando volta a se esvaziar, o material esticado perde o preenchimento e passa a ficar enrugado quando vazio. Com a nossa pele acontece algo semelhante.

Com o efeito sanfona, todo o corpo ganha ou perde preenchimento, que são as células de gordura. Depois de “inflar” ou “esvaziar”, é normal que nossa “superfície” sofra os efeitos e demande mais cuidados. Durante todo o processo de engordar ou emagrecer rapidamente, ela perde elasticidade assim como um balão de ar, pois as fibras de colágeno e elastina responsáveis por manter nossa pele lisinha acabam se rompendo.

Minimizando o efeito sanfona

O segredo para evitar os prejuízos do efeito sanfona para a pele é priorizar a saúde. Mudar o corpo pode ser inevitável ou até necessário, mas para que o processo ocorra sem deixar marcas negativas, é importante se cuidar. Faça exercícios físicos, não abra mão da hidratação e se alimente bem sempre! Se seu objetivo é ganhar peso, faça isso com a ajuda de profissionais que te indiquem a melhor forma de ganhar uns quilinhos. Já se sua meta é emagrecer, tome todos os cuidados necessários para não prejudicar sua saúde e, principalmente, para não perder os resultados alcançados e sofrer com o efeito sanfona.

Deixe sua pele bonita e saudável mantendo cuidados diários com todo o seu corpo. Hidrate todas as áreas frequentemente, use protetor solar e tenha atenção especial à região do rosto, para evitar o envelhecimento precoce. Faça esfoliações semanais e massageie a pele para estimular a circulação sanguínea.

Se você está emagrecendo ou engordando muito rápido, uma dica é fazer exercícios com o rosto, movimentando os músculos da região da boca e dos olhos. Isso ajuda a reconstruir as fibras perdidas e a reduzir a flacidez. Para isso, também é essencial incluir vitaminas e proteínas na sua alimentação e aplicar cremes com extrato de soja e aloe vera, além de ingerir o colágeno hidrolisado, que ajuda na recuperação e na proteção da pele do rosto.

Leia mais: Flacidez no rosto após perda de peso. Como tratar?

O que achou das dicas para evitar os prejuízos do efeito sanfona na pele? Deixe seu comentário abaixo! 😉

Publicado em

Aprenda como potencializar os efeitos do colágeno

Aprenda como potencializar os efeitos do colágeno

Depois de algumas semanas tomando colágeno hidrolisado continuamente, você já vai ser capaz de perceber os resultados em sua pele. Os sinais do tempo vão ficar mais suaves, áreas como o pescoço vão ganhar elasticidade e as linhas de expressão vão começar a reduzir.

Durante o tratamento, para alcançar o objetivo de deixar a pele mais bonita e saudável, o primeiro passo é manter a regularidade da ingestão do colágeno, de acordo com as indicações. Outras dicas também podem ajudar a potencializar os efeitos do colágeno. Separamos algumas delas aqui:

Escolha a opção do colágeno hidrolisado VERISOL

Existem diversas marcas de colágeno hidrolisado no mercado, mas pouquíssimas utilizam uma matéria prima específica para a pele como o colágeno hidrolisado VERISOL. A NOVUN utiliza esta matéria prima e garante sua eficiência contra rugas e marcas de expressão. Em apenas 8 semanas os resultados já podem ser observados e os benefícios são melhores ainda com um tratamento contínuo de reposição de colágeno. Com a opção do Novun Colagenus em comprimidos, fica mais fácil tomar o colágeno nos horários e na frequência correta, mesmo estando fora de casa. Assim, os efeitos do tratamento são potencializados a cada dia.

Leia também: Veja aqui alguns dos mitos e verdades sobre o colágeno.

Mantenha uma alimentação balanceada

A ingestão de colágeno por si só já vai te ajudar a ter uma pele mais lisa e a reduzir marcas de expressão e celulites, por exemplo. Aliar o tratamento a uma dieta equilibrada, porém, é uma dica importante para o alcance dos objetivos de forma mais rápida e efetiva. Alimente-se bem durante todo o dia, evite alimentos gordurosos e o consumo exagerado de bebidas alcoólicas. Tudo isso prejudica nossa pele e pode dificultar a recuperação das células, ao mesmo tempo em que acelera o envelhecimento.

Fuja do sol

A luz solar é uma das maiores inimigas da nossa pele. Por mais que você faça o tratamento com o colágeno hidrolisado e siga uma dieta balanceada, o sol pode atrapalhar os efeitos positivos dos hábitos saudáveis para a pele, uma vez que causa grandes prejuízos para a elasticidade e as fibras de sustentação do nosso corpo. Por isso, mesmo que for tomar sol, nunca se esqueça de usar o filtro solar, em qualquer época do ano.

Comece o tratamento na idade correta

O colágeno hidrolisado não tem contraindicação, por isso, pode ser usado por pessoas em qualquer idade adulta. Se você já percebe o aparecimento de marcas de expressão no seu rosto, pode ser o momento certo de começar o tratamento. A partir dos 30 anos, ele age como prevenção. Após os 40, o colágeno atua com a função de repor o colágeno já perdido ao longo dos anos, ajudando na produção da proteína, que passa a ser insuficiente depois de certa idade.

Leia mais – Tratamentos anti-idade para a pele: quando começar

Tome o colágeno junto com vitaminas e minerais

As vitaminas atuam como aliadas do tratamento com colágeno hidrolisado, já que colaboram para a absorção da substância pelo corpo e ainda potencializam sua produção. Tomar vitaminas C e E, por exemplo, pode favorecer uma pele mais saudável, assim como zinco e selênio.

E você? Já encontrou sua própria forma de potencializar os efeitos do colágeno para sua pele? Compartilhe com a gente nos comentários!

Publicado em 1 comentário

Tratamentos anti-idade para a pele: quando começar

Tratamentos anti-idade para a pele: quando começar

Com os anos, é natural que comecem a aparecer algumas marquinhas de expressão em nosso rosto. Esse processo faz parte do envelhecimento normal da pele, que, assim como todo o corpo, sente os efeitos do tempo. Para retardar essas marquinhas, existem atualmente alguns recursos e tratamentos anti-idade que podem ser incluídos na sua rotina para gerar resultados imediatos ou duradouros.

Cada pessoa sente as marcas do tempo de forma diferente. Para algumas, leves alterações já são preocupantes, enquanto para outras, as rugas fazem parte do amadurecimento do corpo. Por isso, o primeiro fator para considerar antes de começar a aplicar tratamentos anti-envelhecimento da pele é o quanto isso te incomoda. Valorize seus traços e lembre-se sempre que sua auto-estima é muito importante!

Quando começar?

As marcas de expressão começam a se formar quando ainda somos bem jovens, em camadas profundas da pele, mas tendem a aparecer normalmente depois dos 30 anos. Alguns dermatologistas recomendam que os tratamentos anti-idade comecem antes disso, para já adiantar o processo de prevenção. Mais tarde um pouco, se iniciam os tratamentos de reparo, com produtos mais poderosos para corrigir o que já tem mais evidência.

Leia mais: 4 hábitos para evitar o envelhecimento precoce

Está na dúvida se já está na hora de começar a tratar sua pele para os sinais do envelhecimento? Siga o guia abaixo para identificar o melhor tipo de tratamento, de acordo com sua idade:

20 anos

blog-novun-tratamento-idade-20
Suas marquinhas podem estar começando a aparecer, mas ainda não é hora de investir em um tratamento intensivo. Foque em aplicar o protetor solar regularmente, como sempre fez. Nessa idade, pode ser importante também continuar associando o protetor a produtos para cuidados da oleosidade da pele.

Se aos 20 anos os sinais do tempo já se destacam no espelho, pode ser a hora de procurar um dermatologista para avaliar o uso de um produto que ajude nos cuidados. Mas, se nessa idade eles ainda não apareceram, pode também ser um bom momento para começar a prevenir e evitar efeitos maiores no futuro. Não deixe de hidratar todo o corpo e de praticar exercícios físicos, um dos grandes aliados da prevenção do envelhecimento.

30 anos

blog-novun-tratamento-idade-30
É hora de começar a olhar para o seu rosto com mais cuidado e atenção. Consulte um dermatologista para considerar quais produtos são mais indicados para o seu tipo de pele e o estágio das suas marcas de expressão. Fatores como alergias e genética devem ser considerados na hora de escolher loções e cremes ideais, que devem ser aplicado de acordo com a frequência recomendada. Essa idade é também a mais indicada para o início do tratamento com comprimidos de colágeno hidrolisado.

40 anos

blog-novun-tratamento-idade-40
Quando os sinais do tempo já estão mais evidentes, é importante intensificar o uso de produtos que corrijam as marcas, que aparecem principalmente em locais como os lábios e no entorno dos olhos. Tratar a pele de dentro para fora pode trazer resultados mais duradouros e visíveis. Nunca se esqueça de usar filtro solar, agora com ainda mais frequência, e escolha produtos recomendados pelos médicos, com elementos como retinol e vitamina C na composição.

50 anos

blog-novun-tratamento-idade-50
Se a prevenção com o uso de protetor solar e a hidratação adequada foi feita desde cedo, nessa idade seu rosto ainda estará bem cuidado e lindo! Siga as instruções do médico e adeque os produtos de tratamento anti-idade à sua rotina, de forma que facilite a frequência e os horários corretos dos cuidados. Produtos de referência vão favorecer o tratamento específico dessa fase da vida e, junto com uma boa qualidade de vida e outros recursos, vão contribuir para deixar sua pele sempre jovem.

Independente da idade, a prevenção é sempre a melhor dica para cuidar do envelhecimento da pele. A decisão pelo início dos tratamentos anti-idade varia muito e pode incluir cremes e protetores especiais para cada tipo de pele, além de cápsulas de colágeno hidrolisado ou outros recursos recomendados. Para qualquer pessoa, vale a dica de sempre tomar muita água, praticar atividades físicas, ter uma alimentação saudável, usar protetor solar e hidratar a pele.

Leia mais: 7 alimentos que combatem o envelhecimento da pele

Gostou das indicações para a sua faixa etária? Deixe seu comentário abaixo.

Publicado em

Rugas precoces: entenda os motivos e como prevenir

Rugas precoces: entenda os motivos e como prevenir

Certo dia você acorda e, quando se olha no espelho, lá está ela: sua primeira ruga. Esse momento acontece com qualquer pessoa, uma hora ou outra. Mas, para alguns, a percepção de que o rosto já apresenta marcas mais fortes do tempo pode vir mais cedo do que para outras. Alguns cuidados podem ser tomados para prevenir e tratar as rugas precoces, e separamos os mais relevantes para você começar a aplicar hoje mesmo.

Por que envelheci tão cedo?

O aparecimento de rugas é um processo natural do nosso corpo. São pequenas dobrinhas da pele causadas pelo aumento da flacidez e pela alteração normal das células. Com o passar dos anos, a pele perde algumas características e se desgasta pelo movimento repetido dos músculos, fazendo surgir marcas nas camadas mais internas, que acabam aparecendo externamente com o tempo. Normalmente, as rugas começam a ficar mais evidentes por volta dos 30 anos, quando a pele perde elasticidade e as marcas passam a ficar permanentes no rosto.

Para algumas pessoas, porém, esse processo acontece um pouco mais cedo, resultando no aparecimento de rugas precoces. Para quem vive essa situação, é comum serem identificados fatores externos, que vão além da genética e potencializam o aparecimento dos sinais faciais. Entre eles estão o sedentarismo, a má alimentação, o cigarro e, principalmente, o excesso de exposição ao sol.

Os raios solares atuam como se fossem um agente fixador dos males do tempo. Eles intensificam o desgaste da pele e fazem aquelas pequenas linhas normais de expressão virarem marcas eternas. Por isso, a primeira medida que você deve tomar para evitar o aparecimento de rugas precoces é usar protetor solar, de forma frequente e correta. Mas não é só isso. Veja outras dicas que podem te ajudar a adiar o momento de ver no espelho a sua primeira ruga:

Pratique exercícios físicos

10-dicas-para-acabar-de-vez-com-as-estrias-peso

Prevenir o envelhecimento da pele é um hábito diário que pode ser praticado desde criança. Realizar exercícios físicos regularmente, por exemplo, é um costume que faz bem para todo o corpo, pois melhora a saúde do coração, elimina gorduras e facilita a circulação sanguínea. Mantendo um corpo saudável, sua pele responde com mais beleza e uma aparência melhor.

Leia também: Conheça os benefícios do exercício físico para uma pele mais saudável

Mantenha uma alimentação saudável

blog-novun-alimentos-que-desaceleram-o-envelhecimento-da-pele-imagem-destaque

Tudo o que a gente come resulta em alguma alteração no nosso corpo. O excesso de gordura e a falta de vitaminas, por exemplo, podem se transformar facilmente em marcas de expressão no rosto. Mais do que começar a usar cremes anti-idade logo cedo, manter refeições balanceadas é uma forma simples e sem contra-indicação para a prevenção do envelhecimento, valendo para todas as faixas etárias. Inclua alimentos ricos em vitamina C e com baixo índice glicêmico, como a laranja, o abacate e o brócolis. Eles ajudam seu corpo a se manter mais saudável e estimulam a produção de colágeno.

Leia mais: 7 alimentos que combatem o envelhecimento da pele

Não abra mão da sua qualidade de vida

9-super-dicas-para-fazer-sua-pele-ficar-mais-firme-colageno

Felicidade reflete na pele, deixando nosso rosto mais bonito e mais jovem por mais tempo. O mesmo vale para a manutenção de hábitos saudáveis, que têm o poder de interferir em todo o nosso corpo. Durma pelo menos oito horas por dia, beba muita água e cuide-se bem, colocando seu bem-estar como prioridade. Conte também com recursos que podem te ajudar a manter um rosto mais bonito, com indicações de médicos e especialistas. Evitando bebidas alcoólicas e fugindo do tabagismo, sua pele vai responder com mais saúde e espantar as rugas precoces.

Você já segue alguma das dicas para manter uma pele mais bonita por mais tempo? Deixe seu comentário abaixo.

Publicado em 1 comentário

Conheça os benefícios do exercício físico para uma pele saudável

Conheça os benefícios do exercício físico para uma pele saudável

Quantas vezes por semana você costuma praticar atividade física? Essa é uma pergunta feita pela maioria dos médicos durante uma consulta inicial, certo? E você deve imaginar por que. Exercícios físicos são fundamentais para uma vida mais equilibrada, interferindo não só na estética, mas principalmente no controle do colesterol e dos baixos níveis de pressão arterial, além de afetar de forma positiva o coração, deixar os ossos mais fortes e manter a pele saudável.

Exercitar o corpo com frequência é um dos principais fatores para a construção da qualidade de vida. Independente do tipo de atividade, se praticadas com regularidade e acompanhamento, elas melhoram as funções cardíacas, ajudam no controle do peso, reduzem o risco de doenças e amenizam o cansaço mental. Junto a tudo isso, a prática de exercícios físicos é uma grande aliada da beleza da pele.

Como a atividade física contribui para uma pele mais bonita

Já sabemos que a prática de exercícios libera substâncias químicas em nosso corpo e que essa reação nos traz diversos benefícios. A produção de serotonina, que acontece enquanto nos exercitamos ou fazemos algo que nos deixe feliz, exerce uma ação antioxidante no corpo. Para a pele, essa ação tem um efeito triplo: fecha os poros, dá mais elasticidade e gera menos oleosidade.

Outra substância liberada durante os exercícios é a endorfina. Ela, por sua vez, é responsável pelo relaxamento e pelo aumento da resistência dos órgãos, além de bloquear os radicais livres que aceleram o envelhecimento da pele.

A transpiração, por si só, tem o poder de deixar nossa pele saudável, uma vez que ajuda na limpeza dos poros e na renovação das camadas cutâneas superficiais. O suor ajuda na eliminação das impurezas e das toxinas que impedem a beleza da pele. Junto com ele, o estímulo da circulação faz com que mais oxigênio passe pela pele, levando nutrientes responsáveis pela prevenção de infecções e erupções, como a própria acne.

Leia também: 9 super dicas para deixar sua pele mais firme

Pele mais firme e menos enrugada

Pense nos efeitos do exercício físico para os seus músculos. A prática das atividades enrijece e dá mais firmeza a todo o corpo, e não é diferente com a pele. A renovação das células estimula também a produção de elastina, que deixa os tecidos mais leves e menos enrijecidos, prevenindo o envelhecimento precoce.

A energia liberada durante o exercício também contribui para uma rotina mais equilibrada, com noites de sono completas e redução do nível de estresse. Tudo isso diminui a chance do aparecimento de olheiras e rugas causadas pelo cansaço e pela ansiedade, alterando positivamente todo o ritmo do corpo.

Leia também: 7 causas do envelhecimento precoce da pele

Bem-estar e equilíbrio

Dança, corrida, musculação: todo exercício físico traz benefícios para a manutenção de uma pele mais saudável. Isso acontece também porque a prática regular gera satisfação e qualidade de vida, fatores muito importantes para a nossa felicidade. E não há nada melhor para a beleza da pele!

Você também sente que os exercícios físicos deixam sua pele mais saudável? Conte sua experiência para nós!

Publicado em

7 formas para manter a pele firme após perda de peso

7 formas para manter a pele firme após perda de peso

Após da perda de peso, você se sente linda e poderosa, não é mesmo? Infelizmente, após uma perda de peso considerável, a pele pode ficar mais flácida.
Quer dar uma impulsionada na firmeza da pele? Além de exercícios, há cuidados que você pode inserir na sua rotina e deixar sua pele radiante como você. Vamos às dicas?

1- Consuma alimentos que estimulam a elasticidade

7-formas-para-manter-a-pele-firme-apos-perda-de-peso-alimentos

Alimentos ricos em vitaminas A, K e E e C, Selênio e Zinco podem fazer maravilhas para sua pele, ajudando a promover a produção de colágeno em seu corpo, mantendo a pele firme e elástica. Essas substâncias estão presentes em alimentos como amêndoas, nozes, feijão e peixes.

2- Hidrate-se

7-formas-para-manter-a-pele-firme-apos-perda-de-peso-hidratar
A água é a melhor amiga da sua pele, quanto mais líquido você beber, melhor será a aparência da sua pele. Isso vai ajudar a manter sua pele hidratada e mais elástica, além de mantê-la mais radiante e saudável.

Leia também: Novun Colagenus: atuação e benefícios

3- Colágeno

9-super-dicas-para-fazer-sua-pele-ficar-mais-firme-novun
Para que o corpo continue produzindo a quantidade ideal de colágeno, uma boa dica é ingerir colágenos hidrolisados, que já foram quebrados pela água, dessa forma são metabolizados mais facilmente pelo organismo. O colágeno é uma proteína importantíssima para a manutenção da hidratação, elasticidade e firmeza da pele do corpo todo.

4- Fuja do sol

7-formas-para-manter-a-pele-firme-apos-perda-de-peso-sol
Assim como a água é a melhor amiga da pele, o sol é o seu pior inimigo! Os raios UV deixam a pele mais flácida, isso por que eles destroem o colágeno da pele, causando o envelhecimento precoce da pele. Por isso, aplique o protetor solar todos os dias!

5- Exercite-se

7-formas-para-manter-a-pele-firme-apos-perda-de-peso-exercite
Agora que você já perdeu os quilinhos indesejados, é hora de manter o peso. Uma rotina de exercícios aeróbicos farão bem para seu corpo e mente!

6- Durma mais e melhor

dicas-simples-aliviar-as-olheiras-dormir-melhor-maior
A sua pele rejuvenesce enquanto você dorme. Quanto mais você dorme, mais tempo sua pele terá para se regenerar, por isso, o sono é fundamental.

7- Invista nos óleos

7-formas-para-manter-a-pele-firme-apos-perda-de-peso-oleo
Os óleos podem ajudar a manter sua pele mais firme e hidratada por mais tempo. Óleos naturais como de amêndoas, jojoba e até os óleos para bebês são ótimas escolhas.

Pronto! Agora você e sua pele estão prontas para arrasar por aí!